Sigma também enfrenta desafios com crise mundial de semicondutores

O CEO da fabricante, Kazuto Yamaki, disse no Twitter que a escassez de semicondutores afeta a produção e que em 2022 o quadro pode piorar

A notícia foi destaque em vários sites internacionais. Kazuto Yamaki, CEO da Sigma, disse que a marca não conseguiu acompanhar a demanda último trimestre de 2021 e que possíveis problemas para 2022. O CEO respondeu ao tweet de um fotógrafo do Reino Unido que o perguntou sobre não encontrar três modelos de lentes em lojas britânicas. Em resposta, Yamaki disse que apesar de continuar em plena produção, a Sigma “simplesmente não conseguiu acompanhar a demanda de alguns produtos no quarto trimestre de 2021”. E disse mais: “Em 2022, a escassez de suprimentos de semicondutores pode afetar a produção de alguns produtos”. Recentemente postamos aqui matérias mostrando que esse desafio também afetava Sony e Canon. E agora parece que o quadro se estende também para fabricantes de lentes. A crise vem afetando vários mercado de produtos eletrônicos e também automotivos.

Veja também>>> Comece 2022 entendendo (e acertando de uma vez por todas) o marketing do seu negócio de fotografia – FHOX

#fotografia #fotógrafo #lentefotográfica #mercadofotográfico

0 comentário