Pakuá lança exposição e catálogo de fotografias aéreas

Projeto inédito no país une fotografia e ilustração, apresentando um novo olhar sobre os cenários nacionais. A mostra itinerante `Pakuá Exposição de Artes Visuais´ vai passar em 2022 por Curitiba, Foz do Iguaçu, Maringá e Londrina e prevê ainda um desdobramento social em todas as cidades. A estreia da exposição acontece em Curitiba no dia 1º de março e segue até o dia 30 de março no Pátio Batel. 

Cada vez mais as imagens aéreas se apresentam como um novo olhar de concepção do espaço, produzindo no espectador uma memória visual da realidade geográfica em suas diversas manifestações cotidianas. Com o intuito de democratizar essa percepção e construir narrativas inéditas a partir de uma nova perspectiva dos cenários brasileiros, a Montenegro Produções Culturais, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, lança neste ano a primeira exposição itinerante de fotografias aéreas do país, por meio do projeto cultural “Pakuá Exposição de Artes Visuais”. Selecionadas a partir de um concurso nacional realizado no final de 2020 com a participação de mais de 150 fotógrafos de todo o país, as imagens aéreas feitas com uso do drone revelam paisagens brasileiras de Norte a Sul do Brasil em ângulos inéditos. Quatro cidades do Paraná vão receber a mostra em seus principais shoppings centers: Curitiba (de 1º a 30 de março, Pátio Batel, Lounge Bolhas, piso L3), Foz do Iguaçu (de 08 a 23 de abril, Catuaí Palladium), Maringá (de 1º a 20 de maio, Shopping Maringá Park) e Londrina (de 28 de maio a 20 de junho, Aurora Shopping). Além das exposições, as imagens vencedoras estão compiladas em um catálogo impresso com distribuição gratuita e versão on-line na íntegra para download gratuito no site da produtora (www.montenegroproducoes.com ). O projeto traz ainda uma página exclusiva  – https://linktr.ee/PakuaBrasil – com todo o conteúdo do Pakuá (obras, cidade/datas da exposição, ficha técnica, livro digital) e também oferece medidas de acessibilidade como legendagem descritiva e audiodescrição para quem for à exposição.   

Rio de Janeiro (RJ) – Crédito: Isabella Mayer

Com entrada gratuita, o público poderá viajar nas asas da criatividade dos fotógrafos e também apreciar intervenções artísticas feitas por ilustradores a partir das imagens que integram o projeto PAKUÁ em cada uma das cidades – André Coelho (Curitiba), Ivana Lima (Foz do Iguaçu), Nilton Ribeiro (Maringá) e Raro de Oliveira (Londrina).

“Ao reunir fotógrafos do Brasil inteiro e seus diferentes olhares, o Pakuá compõe uma representação artística do mapa brasileiro utilizando a fotografia aérea. O contato com o projeto proporciona uma reflexão atual e coletiva a respeito da importância humana na preservação do patrimônio cultural e ambiental do Brasil, além da estreita relação da fotografia com as cidades e a arquitetura, atuando como agente de construção dessa história”, explica Carolina Montenegro, gestora da Montenegro Produções Culturais.

Rodovia São Paulo (SP) / Crédito: Cassio Vasconcellos

Como parte integrante de um projeto de ARTES VISUAIS que traz em seu resultado uma exposição gratuita, a iniciativa reúne nomes de peso da fotografia nacional – como o paulistano Valdemir Cunha e o paranaense Sergio Ranalli –, ao lado de fotógrafos iniciantes. “Os drones são um ponto de virada nesta modalidade. Ainda são caros por aqui, mas já começam a assumir um papel importante na arte. Já temos todo tipo de fotógrafo usando drones, de fotodocumentaristas a fotógrafos de moda.  O Brasil é um país imenso e lindo. Um país que está se redescobrindo quando visto do céu. E isso é empolgante!”, destaca Guilherme Zawa, curador da mostra. A comissão julgadora da premiação foi formada pelos brasileiros Guilherme Pupo, Cássio Vasconcellos e Daniel Castellano, que também terão suas obras expostas no projeto. 

Forte São Marcelo /Salvador (BA) – Crédito: Leonardo Yasuda

“A fotogra