O trabalho de fotografia na Agência Senado

Jornalista, Débora Brito acessa portal do Senado Notícias por meio de dispositivo móvel. Portal de notícias do Senado atinge 50 milhões de visualizações em dezembro. Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Foto: Agência Senado


De 1o janeiro até 15 de dezembro deste ano, os conteúdos publicados pela Agência Senado tiveram mais de 50,8 milhões de visualizações — um crescimento de 30% em relação ao mesmo período do ano passado. O aumento também foi registrado no número de usuários, que chegou a mais de 24,7 milhões, ou seja, 39% a mais que em 2019.

— Sabemos da responsabilidade que o Portal de Notícias tem perante a sociedade, ainda mais em tempos de fake news. Ele é a fonte oficial de notícias do Senado — explica a diretora da Secretaria de Comunicação, Érica Ceolin.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, ressaltou o papel da Comunicação do Senado durante o ano em que a principal missão foi continuar trabalhando em meio à pandemia.

— De forma inédita e ousada implementamos um sistema de sessões deliberativas remotas, o que evitou a paralização da atividade legislativa da Casa e possibilitou entregar ações emergenciais aos brasileiros. E não foi diferente com a área da comunicação do Senado, que teve a nobre missão de tornar público e acessível a todos o trabalho das senadoras e dos senadores, cumprindo o dever de se comunicar com o cidadão. Agradeço e parabenizo os servidores e colaborados que tornaram isso possível, são todos parte deste importante trabalho.

A pandemia de covid-19 provocou a diminuição da atividade legislativa e mudanças no trabalho da equipe da Agência Senado. A maioria conseguiu desempenhar as funções trabalhando em casa, mas nos dias de sessões plenárias e reuniões de comissão, a equipe de fotografia tinha até oito funcionários no trabalho presencial. Três deles, inclusive, contraíram a doença ao longo do ano.

Além da confiança, a qualidade do que é publicado no Portal Senado Notícias também explica o crescimento constante nos números de audiência da Agência Senado. Essa é avaliação do diretor da Agência, Flávio Faria.

— Temos uma equipe muito qualificada. Além de jornalismo, vários fizeram cursos de pós-graduação em áreas como ciência política, mídias sociais e até mesmo uma segunda graduação em direito ou história, por exemplo. São pessoas que trouxeram experiências dos empregos anteriores em áreas como economia, tecnologia, fiscalização e controle, o que agrega bastante à nossa ampla cobertura legislativa de temas tão variados.

Cobertura universal

Agência Senado faz a cobertura universal das atividades institucionais e legislativas da Casa, o que inclui as reuniões das 19 comissões permanentes e suas subcomissões, das comissões mistas (com participação de senadores e deputados), das comissões parlamentares de inquérito (CPIs) e das sessões plenárias do Senado e do Congresso.

— Nossa missão é noticiar, em texto e em fotos, absolutamente tudo o que acontece no Senado relacionado às atividades legislativas de maneira simples, completa e plural —  explica a coordenadora de Cobertura, Paola Lima.

Além disso, a Agência Senado faz reportagens especiais sobre grandes temas em discussão no Parlamento brasileiro. Muitas delas são reproduzidas em outros sites. Neste ano, por exemplo, a matéria sobre a chegada do vírus da febre amarela ao Brasil no reinado de Dom Pedro II teve bastante destaque na imprensa. A reportagem cita documentos históricos do Arquivo do Senado que mostram que, apesar da gravidade da situação, naquela época também houve negacionismo e críticas a quarentenas.

O Portal Senado Notícias publica diariamente matérias produzidas pela própria equipe de repórteres e também conteúdos da TV e da Rádio Senado. Para o coordenador do Portal, André Falcão, o crescimento é muito expressivo, considerando que o total de itens publicados diminuiu 21% em relação a 2019, pois a atividade legislativa teve queda grande por conta da pandemia.

Mais lidas

No ranking das mais lidas do ano, estão reportagens relacionadas direta ou indiretamente à pandemia do novo coronavírus. O texto sobre a aprovação do congelamento de salários do funcionalismo é a campeã de 2020, alcançando 1.022.210 visualizações até o dia 15 de dezembro.

Além disso, quatro matérias relacionadas à criação e expansão do auxílio emergencial de R$ 600 pagos pelo governo a trabalhadores prejudicados pela crise figuram entre as dez mais lidas do período.

Fotografia

Além de registrar jornalisticamente os momentos relevantes do Parlamento brasileiro, o setor de fotografia da Agência Senado é responsável por tratar, editar, catalogar e manter o acervo fotográfico e jornalístico, atuando para a