Lugares para se hospedar de graça e conhecer a América do Sul

Sonha em fazer um mochilão pelos países vizinhos, mas está com a grana curta? Conheça 5 hostels para trabalhar em troca de moradia! 

Um sonho para muitos viajantes, a América do Sul é uma região continental que abriga montanhas geladas, praias belíssimas, ruínas, cidades turísticas e populações com culturas muito ricas. Também é uma região conhecida pela sua hospitalidade, música, festas e pela culinária.

É preciso separar algumas semanas para realmente conhecer toda a diversidade destes países e se aprofundar nos países visitados, e trabalhar em troca de acomodação pode ser uma ótima forma de aproveitar muito o passeio e economizar. Esse tipo de turista é conhecido como worldpacker.

Viajando dessa maneira, é possível se inserir nas tradições locais, conhecer os moradores da região e aprender mais sobre seu estilo de vida!

Separamos 5 hospedagens que aceitam esse serviço com avaliações positivas dos aventureiros que já passaram por lá e recomendaram a experiência para você organizar o seu próximo roteiro!

Chile

O Deserto do Atacama é um dos lugares mais fantásticos da América. Naquela região está localizado o Llama Loka Hostel, com muita área ao ar livre para os hóspedes e voluntários aproveitarem. Neste hostel, dá para participar da organização dos eventos, auxiliar na decoração e manutenção dos espaços, ficar na recepção ou atender no bar.

Argentina

No coração de Córdoba fica o Ananta Hostel, onde trabalhar significa fazer amizades e aproveitar a vida. Lá, o viajante pode trocar hospedagem por limpeza, recepção, administração e serviços de barista. Em troca, o turista recebe dois dias livres na semana, lavanderia gratuita, uma cama, descontos em estabelecimentos parceiros e uma bicicleta para explorar a cidade. Pronto para comprar sua passagem para a Argentina?

Colômbia

Conhecer o Caribe é um sonho para muita gente, e é possível realizá-lo no La Tortuga Hostel, em Santa Marta. Trocar trabalho por hospedagem lá significa passar longas horas na piscina e conhecer as paisagens paradisíacas da região. Se você tem experiência com recepção, administração, reparo e manutenção, será muito bem-vindo na hospedaria.

Peru

Porta de entrada para Machu Picchu, Cusco é cheia de viajantes, independentemente do período do ano. Lá, está localizado o Hostel Milhouse, com um grande pátio com muitos espaços de convivência para fazer amigos de todas as partes do mundo. Ajudar no bar, animar festas, cozinhar e recepcionar no período da noite são as atividades que podem ser desenvolvidas no hostel.

Uruguai

No F & F Hostel, na famosa Punta del Este, dá para passar o dia todo na piscina, no belo jardim ou curtindo uma festa. As atividades que podem ser feitas em troca de hospedagem são ajudar na limpeza e no bar, preparar o café da manhã e ficar na recepção durante o dia ou à noite.

#fotografia #fotógrafo #mercadofotográfico