Estudante revela paixão pelas aves através da fotografia de natureza


Neste mundo independente a variedade de espécies impressiona e encanta. O colorido das aves, os sons dos mamíferos e os detalhes de pequenos anfíbios compõem os mais diferentes cenários brasileiros.


Inseridos em tamanha diversidade, o que nos resta é conservar e admirar, práticas comuns na vida da estudante de biologia, Flávia Zagury.


Há dois anos a jovem redescobriu o amor pela fotografia e encontrou na natureza o foco para os cliques. “Desde pequena gostava de fotografar. Muitas vezes falava em ser fotógrafa, mas depois surgiu o amor pela biologia. Acabei aposentando a minha câmera, até o dia que a levei para um curso”, conta.

Neste dia, durante o estudo e observação de sapos, rãs, cobras e pererecas, Flávia retomou um hobby. “Foi quando reascendi uma paixão que não vivia há muito tempo, e me fez muito bem. Me reconectei comigo mesma, aumentou até a minha autoestima”, lembra a estudante, que rapidamente criou uma página na internet para compartilhar os cliques.


“A fotografia me aproximou muito da natureza e acabou contaminando pessoas a minha volta. Amigos e familiares refinaram o olhar e hoje, ao encontrar um bicho, tentam identificar e contam sobre a observação”, completa, orgulhosa do feito.

“Hoje em dia a gente fica muito distante da natureza e eu acho que a fotografia é capaz de nos reconectar com ela. Voltamos com o sentimento de pertencimento, de admiração. Damos valor ao bicho”, diz.

Confira abaixo os cliques da estudante de biologia:

Flávia Zagury

Beija-flores se destacam no acervo da fotógrafa, que clica diversas espécies da fauna brasileira — Foto: Flávia Zagury/VC no TG


Flávia Zagury

Durante observação de anuros a estudante redescobriu o gosto pela fotografia de natureza — Foto: Flávia Zagury/VC no TG


Flávia Zagury

Cliques de filhotes são alguns dos preferidos da fotógrafa — Foto: Flávia Zagury/VC no TG


Flávia Zagury