Como se tornar um fotógrafo especialista em decoração, interiores e arquitetura?

Profissionais de fotografia podem aprofundar o trabalho em fotos neste segmento, que ainda é pouco conhecido

Ainda pouco explorada, a fotografia de arquitetura e design de interiores pode ser muito lucrativa, justamente por existir uma baixa concorrência. Atualmente, com as redes sociais crescendo constantemente e a imagem sendo cada vez mais valorizada, arquitetos investem diariamente na divulgação dos próprios serviços, contratando profissionais para isso.

É comum encontrarmos fotos de grandes prédios, metrópoles e paisagens urbanas por aí, principalmente que retratam viagens, onde tudo parece maravilhoso, e é possível encontrar muitos pontos turísticos. Contudo, fotografar um espaço fechado, com apenas móveis à disposição, não é uma tarefa tão simples assim.

Por isso, muitos fotógrafos que decidem focar nessa área buscam por alguma especialização, uma forma de direcionar o olhar e a imagem da melhor maneira possível. Em grandes casos, o gosto pela profissão é tamanho que vale investir até mesmo em um curso de design de interiores.

Para aqueles que desejam se arriscar, separamos algumas dicas de como é possível começar:

Busque inspiração

Não só em redes sociais, mas de artistas que já estão atuando há algum tempo. É importante conhecer e pesquisar por essa forma de trabalho, para identificar diferentes maneiras de atuação e quais se encaixam melhor com sua visão e seus desejos.

Busque por livros fotográficos, busque a história de lugares que te chamam a atenção, entenda quem o construiu, o que essa pessoa desejava, quem são as pessoas envolvidas naquele ambiente, etc.

Quanto maior o número de informações, mais fácil fica transmitir algo com a imagem. Talvez, um prédio histórico que era o sonho de um grande arquiteto, ou, então, um apartamento que pode ser o maior desejo de uma família.

Fotografe em lugares inusitados

Fuja do comum e fotografe em lugares que você nunca imaginou. É importante sair da zona de conforto e mostrar toda a sua capacidade profissional.

Às vezes, um novo ambiente, totalmente contrário ao que você está habituado, pode inspirar e permitir que a imaginação flua – um exercício que deve ser constante para que o seu trabalho se destaque dos outros.

Pense nos detalhes

O ambiente está muito simples? Existem objetos que podem complementar a decoração? A luz está boa? Tem muito sol entrando pela janela e está distorcendo algo que não está no projeto de arquitetura ou de design de interiores? Mais do que nunca, seu foco deve estar totalmente no trabalho, para que nenhum desses pontos passe despercebido e a imagem fique conforme o planejado. Lembre-se: é por essas fotos que você pode ser contratado e iniciar a sua carreira.

Divulgue as imagens

Por último, mas não menos importante, é necessário divulgar todo o trabalho que está sendo feito e todas as suas capacidades. Crie uma rede social específica para isso, a atualize com frequência, utilize recursos para que as suas fotos tenham o maior engajamento possível.

Além disso, vale revelar cada fotografia e montar um portfólio impresso, mostre-o para outros profissionais, busque por parcerias, deixe seu trabalho disponível em bancos de imagens. Dessa forma, é possível que o reconhecimento chegue mais rápido do que o esperado, assim como os lucros.

#fotografia