Chronos e Kairós: qual deles está mais presente em sua vida?

Nesta época do ano muitos de nós já lemos diversas reflexões a respeito de quão desafiador foi 2021. Por isso, não quero cair na redundância e gostaria de propor uma reflexão a respeito do tempo. 

Por Bruna Veratti

Uma pessoa comendo algo com as mãos na boca

Descrição gerada automaticamente com confiança média

“O homem moderno emprega apenas uma palavra para dar significado ao tempo, mas os gregos na Antiguidade usavam duas: Chronos, o tempo dos homens, e Kairós, o tempo de Deus”.*

O primeiro significa o tempo cronológico, relacionado ao relógio e que não conseguimos fugir facilmente. Tudo o que é conquistado neste tempo é efêmero. Por outro lado, o segundo se refere à qualidade do tempo vivido e que faz um acontecimento ser especial e memorável.

Diariamente corremos o risco de não dar mais valor ao que fazemos. Por isso, te convido a dedicar TEMPO para parar, olhar e escutar antes de seguir para o próximo ano. Você tem corrido contra a maré, se deixando levar pelo tempo; ou consegue ter momentos que tenham significado? Faz suas atividades mecanicamente, simplesmente passando pelo tempo?

Pessoa posando para foto em frente a espelho

Descrição gerada automaticamente com confiança média

No nosso trabalho corremos o grande risco de ver o tempo passar sem prestar atenção se o que estamos fazendo realmente faz a diferença nas nossas vidas e na dos demais. Muitas vezes a acomodação faz com que Chronos domine nossas vidas. Por isso preste atenção: quanto tudo está ficando mecânico, é porque esquecemos de colocar ali o significado que nos move.

Desenho de rosto de pessoa visto de perto

Descrição gerada automaticamente

No início da minha carreira me dediquei a fotografia newborn e sempre me encantou olhar para aquela pessoa tão pequena e frágil. Eles sempre me fazem refletir sobre o milagre que a vida é, e vejo com tristeza que com o passar dos anos deixamos de olhar a vida com este mesmo encanto. Nos deixamos levar pela correria do mundo, prestando mais atenção aos outros do que a nós mesmos, e vemos o tempo voar… precisamos parar, olhar e escutar novamente a nossa vocação para restaurar o Kairós na nossa vida.

Com o passar dos anos percebi que minha verdadeira vocação na fotografia era usar esta arte para auxiliar as mulheres a se redescobrirem. Com isso meu trabalho adquiriu significado e o tempo que me dedico a ele virou Kairós.

Mulher com roupa preta

Descrição gerada automaticamente
Foto preta e branca de mulher olhando para o lado

Descrição gerada automaticamente