A foto de Joshua Cripps que está circulando no mundo todo

O norte-americano Joshua Cripps fez o clique em dezembro passado. Logo após o Natal. O site Bored Panda entrevistou o fotógrafo por conta da repercussão da imagem. Segundo Cripps, criar a imagem deu muito trabalho para conseguir exatamente o que ele queria. Distância, ângulo e posicionamento do homem e do camelo. Cripps usou uma Z7 da Nikon. Apaixonado por fotografia faz 12 anos, ele contou que planejava criar algo desse tipo faz muito tempo. Usando um aplicativo (PhotoPills) que avisa dos fenômenos como eclipse solar, chuvas de meteoros e outras situações que rendem imagens incríveis. Usando o aplicativo ele conseguiu se programar e acabou estendendo a estadia em Dubai para criar a foto que tanto sonhava. Batizada de anel de fogo, a foto feita no deserto de Dubai envolveu precisão, cálculos e atenção total ao tempo. Cripps contou com a sorte das condições climáticas ideais mas o resto envolveu muito planejamento.

O eclipse ocorreu logo após o amanhecer e depois de compartilhado viralizou no mundo todo. É a segunda foto criada na região nos últimos tempos que teve o mesmo impacto. Cripps gastou 23 minutos e gerou 123 cliques para a sequência do eclipse solar. Ele usou uma lente AF-S NIKKOR 200-500mm f/5.6E ED VR com adaptador FTZ. ), a f/8, 1/100, ISO 200 com exposição manual. Ele já planeja uma viagem para a América do Sul para o próximo eclipse no fim do ano. Veja mais fotografias abaixo e note como ele desenhou na areia do deserto o que esperava para a tão sonhada foto (e também para mostrar ao homem o que queria exatamente). https://instagram.com/joshuacrippsphotography

Comece 2020 no R.U.M.O. certo – Conheça a atividade da ENF que vai ajudar você em seus negócios