News 2 meses atrás | Leo Saldanha

Nikon anuncia reestruturação e cancela linha DL

Informações oficiais foram divulgadas ontem e apareceram em destaque nos principais sites de fotografia internacionais

por Revista FHOX

nikon_premium_compact_camera_range_overview--original

Nikon divulgou os dados financeiros referentes aos últimos nove meses (até dezembro passado). Segundo o relatório divulgado ontem na NASDAQ (bolsa de valores norte-americana) as quedas nas vendas no período foram de 8.2%. Boa parte dos resultados fracos estão diretamente relacionados as perdas nas vendas de câmeras digitais. Ontem a marca divulgou ainda perdas nos últimos três trimestres de 2016. Em novembro passado, a Nikon já tinha anunciado um plano de reestruturação. Algo que agora fica mais claro com a divulgação de números e comunicados oficiais. E mais: a empresa disse que a série DL não chegará ao mercado. Motivo? Custos elevados com o lançamento e previsão de baixa lucratividade devido à desaceleração mundial nas vendas de câmeras. As câmeras da linha DL eram compactas de luxo com recursos avançados. Faz um ano que a Nikon anunciou a linha DL.

As notícias negativas sobre a marca foram publicadas nos principais sites de fotografia e negócios do exterior. FHOX separou algumas das informações destacadas na mídia internacional:

– Anúncio do corte de mil funcionários (plano de demissão voluntária) e divulgação de perdas de 262 milhões de dólares. A Nikon disse que vai dar todo o suporte aos funcionários que aderirem ao programa, inclusive com ajuda na busca de novos empregos. Além de um programa especial de aposentadoria quando aplicável. Vale ressaltar que o impacto negativo também está relacionado aos resultados ruins com a divisão de semicondutores (Semiconductor Lithography Business).

As projeções de vendas líquidas (que já eram negativas) para o próximo ano fiscal foram revistas. Passando de 6.6 milhões com lucro operacional de 387 mil dólares. Uma redução de 10% na previsão inicial. No comunicado, a Nikon disse ainda que fará uma nova reestruturação em toda a empresa. Tudo para criar valor e rentabilidade.

Atualização: nessa terça (14), dia seguinte ao anúncio (e toda exposição na mídia), as ações da Nikon caíram mais de 15% e só ontem a marca perdeu 1 bilhão de dólares em valor de mercado . A empresa disse que deve enfocar nos modelos premium (mais rentáveis) daqui para frente.

 

 

Notícias relacionadas