News 1 semana atrás | Leo Saldanha

Não Magazine Luiza, o iPhone não substitui o fotógrafo

Propaganda da marca gerou forte polêmica entre fotógrafos na internet e nas redes sociais. Empresa já pediu desculpas para a comunidade fotográfica.

por Revista FHOX

fhox2

O vídeo abaixo mostra uma pessoa comprando um iPhone no Magazine Luiza e depois já no casamento. Uma das convidadas alerta que o fotógrafo deu o cano. Na sequência o convidado que comprou o smartphone diz que com o iPhone dá para relaxar e fazer as fotografias sem a necessidade de um fotógrafo.

Nas redes sociais e em grupos de WhatsApp, os fotógrafos reclamaram que o filme dá entender que fotógrafos dão cano e que qualquer um com um smartphone bacana consegue fotografar um casamento sem muita dificuldade.

Algumas questões:
1 – no final do vídeo aparece um álbum profissional. Difícil ver um consumidor final criar algo assim. Um produto que muitas vezes o consumidor comum nem conhece direito. Ou seja, precisa de um fotógrafo para criar o álbum.

hqdefault
2 – Embora um convidado tenha “feito” a cobertura da cerimônia. O fato é que as fotos do álbum fictício da propaganda provavelmente foram criadas por um fotógrafo profissional. Se fossem de um convidado, dificilmente teria o mesmo resultado final.

wedding_feat

O assunto já foi tema em diversos posts comparando a visão do fotógrafo em relação aos convidados (como no caso das fotos acima, feitas por convidados).

1a0e80e269066099486ca630ace6149f_XL
Vic Gundrota

3 – O iPhone está cada vez melhor em termos de fotografia. Na semana passada, Vic Gundotra, um ex vice-presidente do Google, disse que prefere fotografar com um iPhone do que um Android e disse que parou de levar câmeras porque a qualidade atende o que ele precisa em termos de fotos da família e viagens. O post causou polêmica de usuários que dizem não concordar. Inclusive indicando que câmeras sofisticadas conseguem coisas em termos de imagem que o smartphone ainda não alcança. Sem falar nos controles manuais e questões de zoom e para trabalhos com baixa luminosidade ou que pedem altíssima qualidade de imagem.

E você quer colocar mais lenha na fogueira e contribuir para discussão… comente.

Atualização: nota divulgada pelo Magazine Luiza e publicada no site do Papo de Fotógrafo pediu desculpas a comunidade fotográfica.

A diretoria do Magazine Luiza, em nome dos seus 20.000 colaboradores, pede sinceras desculpas a toda a comunidade de fotógrafos do Brasil. Isso porque, na última sexta-feira, dia 4 de agosto, veiculamos na TV e na nossa página no Facebook um anúncio do iPhone 7 que incomodou, profundamente, muitos desses profissionais.

Jamais tivemos a intenção de ofendê-los com nossa peça de publicidade. Mas, mesmo sem querer, cometemos erros. E, desta vez, erramos com vocês. O anúncio já foi retirado de circulação.

Sabemos que nenhum equipamento, por melhor que seja, substitui o profissionalismo, a técnica e, sobretudo, o olhar sensível de um bom fotógrafo. Vocês fazem e continuarão a fazer parte dos registros dos melhores momentos das vidas de cada um de nós. Por isso, de novo, pedimos sinceras desculpas.

Bacana a atitude da empresa reconhecendo o erro e publicando a retratação. O último Guia Fotografar trazia os números de fotógrafos no Brasil. O dado oficial dá conta de 120 mil profissionais atuando como fotógrafo no país. Embora, esse número possa ser muito maior levando em consideração a informalidade e quem ainda não atua na fotografia em tempo integral.

Notícias relacionadas